sexta-feira, 26 de junho de 2009

O Meu Ex



Ontem até que o dia se começava a compôr depois de ter tido noticias do Alexandre, mas, eís que, aqui a bela da Princesa se lembra que tem pouco leite em casa e que o melhor seria ir comprar. Até aqui nada de extraordinário certo?? Pois, o que eu não sabia é que o meu ex tinha regressado a Portugal vindo da França de férias, e que estava (como sempre foi o hábito dele nestes 10 anos) a espiar-me. Ora quando eu saio da mercearia, uns metros á frente ao passar pelas portas de uns prédios ele puxa-me para dentro de um, e ameaçada por uma chave de fendas não ofereci resistência. Perguntei-lhe se ainda continuava a espiar-me e o que queria de mim, ele com muita agressividade nas palavras diz que quer vêr o filho e que queria dar uma "voltinha" comigo. Evidentemente que lhe disse que quanto ao vêr o filho logo se via, e que quanto ao facto de dar uma "voltinha" comigo que esquecesse, pois eu não ia deixar-me levar nas chantagens dele, nem agora nem nunca!
Óbvio que essas palavras que proferi me sairam caras, pois disse-me um monte de barbaridades que não vou aqui referir pois não vale a pena, e fez também questão de me deixar esta "lembrança" (como ele lhe chamou) na minha mão, (a foto é a da minha mão ferida) para que eu não me esquecesse que ele é que manda.
Comigo era todo macho e fazia e acontecia, mas quando era "apertado" pelos meus amigos borrava-se todo. Sempre foi um merdas! Foi a minha "inocência" dos 16 anos.
Eu sei o que ele pretende com isto, ele quer que eu ceda ás chantagens dele, pois sabe que eu não irei contar nada ao Rui (marido), porque depois ele sai-se com a história do Alexandre. Sinceramente não acredito que o Rui acreditasse, a não ser que ele tenha algo de concreto contra mim, tipo fotos minhas com o Alexandre ou coisa assim parecida.
Quando cheguei a casa fechei-me na wc, enfiei-me na banheira vestida e tudo, porque naquele momento queria "lavar-me" daquelas mãos nojentas que tocaram o meu corpo. Ao fazer o jantar fingi que me tinha cortado, para que tivesse desculpa para ter a mão ferida. Não contei nada e nada contarei. Desta vez vou enfrentar-te, já não tenho medo de ti!!

7 comentários:

Tentação disse...

oh amiga que cobardolas, com essa fiquei revoltado pois é uma das coisas que eu não posso ver nem saber, só gostava de conhecer essa peça

PEKADUS disse...

OI..

De facto,seres desses são tudo menos Homens..
Enfrente o bicho,sempre..

Bjo
Pekadus

MEUS PENSAMENTOS disse...

cuidado querida todo cuidado com bicho é pouco,bjs!

Princesa disse...

Hoje com um pouco de atraso mas nunca esquecida

"Quando a saudade vier ao seu encontro, deixe dos olhos uma lágrima rolar, dos lábios um sorriso, e do coração a esperança de um dia melhor".

Bom fim de semana
um beijo

Princesa_Da_Noite disse...

Obrigada a todos, não faço tensões de o deixar vencer, vou lutar!
Bjs em todos.
Princesa Da Noite

Lalisca disse...

Deverias apresentar queixa na Policia...


beijinho

DocePecado disse...

Sempre por cima Princesa !!!
Ele não vale nada ...

Bj